Traserĉu tiun blogon

2014-01-05

[GRAMATIKERO] SEN





SEN

Preposição, que indica:

1. privação, ausência:
 a) de objeto ou pessoa;
- La generalo venis sen adjutanto.(O general veio sem o ajudante de ordens.)
- Sen gutoj malgrandaj maro ne ekzistus.(Sem pequenas gotas não existiria mar.)
-  Esti sen pano, mono, armiloj.(Estar sem pão, dinheiro, armas.)
- Per kia rajto vi, sinjoroj, baras la vojon al ni, por kiuj la irado jam sen tio estas tiel malfacila? (Com que direito vocês, senhores, barram o caminho para nós, para quem a caminhada já sem isso é tão difícil?)

  b) de estado ou ação:
- Ne venas honoro sen laboro. ( Honra não vem sem trabalho.)
- Li restis du tagojn sen manĝo. (Eles ficaram dois dias sem comida.)
- Ŝi nenion volis decidi sen demandi min.(Ela não quis decidir nada sem me perguntar.)
-  Tiuj fortoj devis resti por ŝi sen uzo. (Essas forças deveriam permanecer para ela sem uso.)

Notas:

1) Sen pode aparecer como prefixo, na formação de adjetivos:
- senhoma, senvoja dezerto (deserto desabitado, sem trilhas); senambicia (sem ambição); sengusta (insípido); senlima (ilimitado); senmakula (imaculado); sensenca (sem sentido); senbrila (sem brilho, fosco); sendefenda infano (criança indefesa); senefika(ineficaz); senfina (infinita).
Desses adjetivos, derivam- se advérbios e substantivos:
- senatende (inesperadamente); sensencaĵo (absurdo), senkulpeco (inocência)
2) Quando sen introduz dois substantivos de sentidos análogos, estes são ligados por kaj:
- Eterna nokto sen pensado kaj sonĝado ŝin atendis. (Uma noite eterna sem meditação nem sonhos a aguardava.)
- Antaŭen sen halto kaj timo! (Adiante sem parada e sem temor!)
- La pasintan vivon li rememoris sen sopiro kaj bedaŭro.  (A vida passada ele relembrou sem saudade nem lamento.)
Observe a tradução:
- Sem dinheiro nem amigos — SEN mono KAJ amikoj; não "sen... nek... ", e isto é natural, porquanto seria, completando: "Sen mono KAJ SEN amikoj".

3) As palavras "sen...a" significam "[sen...o]a". Se o radical principal refere-se a um processo ou qualidade, usa-se os prefixos ne ou mal, de acordo com o sentido. Compare:
- senkdanka kaj nedankema (ingrato e inclinação a ser mal agradecido)
- senmova kaj nemovebla. (imóvel e impossível de ser movido)
- senokupa kaj neokupita.(vazio e desocupado.)
- seninterrompa kaj neinterrompita.(contínuo e não interrompido)
-senhonora homo kaj malhonora ago. ( pessoa sem honra e ação desonrosa.)
Algumas vezes no entanto ne...a / mal…a  e [sen…o]a podem ser sinönimos:
- neutila/senutila. (inútil)
- malprudenta/senprudenta. (imprudente)
E isto se estende a outras palavras compostas:
- sengraveco/malgraveco. (irrelevância.)
- senklareco/malklareco. (obscuridade)
-sentaŭgeco/ netaŭgeco. (inconveniência)

4) Segundo o dicionário virtual REVO (LINK), há uma ratificação do uso do SEN antes de infinitivo da seguinte forma: Embora o uso de sen antes de verbo no infinitivo não seja muito frequente, ele é totalmente correto, lógico e útil. A costumeira maneira de dizer ne…-ante não tem exatamente o mesmo sentido porque ela não exprime o inesperado da ausência. Observe o exemplo:
- Ne parolante (ĉar mia temo ne estas) pri la versarto, mi do ne analizos la ritmon. (Não falando- porque não era esse o meu tema- sobre a arte de escrever versos, eu então não analisarei o ritmo.)
- Sen paroli (eĉ se oni ne volas paroli) pri la versarto, la tie esprimita ideo estas admirinda. (Sem falar- até mesmo se não se quer falar- sobre a arte de escrever versos, a ideia lá expressa é admirável.)
Há no PMEG (LINK) uma referência sobre o uso do sen antes de verbos no infinitivo.




--
Postado por Blogger no GRAMATIKERO em 1/05/2014 08:32:00 AM



--


Programo MIA AMIKO

Lernu Esperanton kun amikoj


ESPERANTO@BRAZILO

Movimento Virtual de Esperanto no Brasil

http://esperanto.brazilo.org

*

Twitter: @MiaAmiko

No comments:

Post a Comment